São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Esporte
Maio 02, 2017 - 23:13

Com os pés no chão, Águia quer controlar euforia

Pés no chão. O técnico do São José, Francisco Oliveira, conversa com os jogadores durante treino no campo da Bundy; Águia curte bom momento no início da temporada

PÉS NO CHÃO O técnico do São José, Francisco Oliveira, conversa com os jogadores durante treino na Bundy

Foto: /Rogério Marques

São José tem duas vitórias, um empate e ainda não sofreu nenhum gol na disputa da Série B do Paulista

Marcos Eduardo Carvalho
São José dos Campos

Três jogos, duas vitórias, um empate e nenhum gol sofrido. Sete pontos e uma partida a menos do que os líderes, que têm dois pontos a mais. Essa é a campanha do São José até agora na primeira fase do Campeonato Paulista da Quarta Divisão em 2017.

Já fazia tempo que o torcedor da Águia do Vale não via o time em um momento desses.

Apesar do bom momento e de ter vindo de uma vitória por 3 a 0 sobre o líder Mauaense na última sexta-feira, no estádio Dario Rodrigues Leite, em Guaratinguetá, o técnico Francisco Oliveira não se ilude com o desempenho atual da equipe.

"Temos sempre que manter os pés no chão. Estamos em um momento positivo e conseguimos um resultado muito importante no final de semana. Agora, temos que continuar dando sequência ao nosso trabalho", disse Oliveira ontem à tarde ao OVALE, por telefone.

No próximo sábado, o time da região visita o lanterna Atlético Mogi, no estádio Nogueirão, em Mogi das Cruzes. O adversário ainda não conquistou nenhuma vitória até agora no torneio e soma apenas um ponto.

ELOGIO. Apesar do discurso de humildade, o técnico da Águia fez questão de elogiar o grupo atual. "Esse bom início não chega a surpreender tanto, pois temos um elenco muito bom. Esperávamos esse bom começo e as coisas estão acontecendo", afirmou Oliveira.

O grupo 4 é formado por sete times, onde os quatro primeiros garantem a classificação para a próxima fase do torneio. Outro time da região na chave é o Guaratinguetá, da técnica Nilmara Alves. A Laranja Mecânica também cumpre boa campanha até agora e está em segundo lugar, com 9 pontos, mas com um jogo a mais do que o São José.

DESTAQUE. Até agora, o volante Victor Feijão marcou quatro dos cinco gols da Águia no torneio e é o principal destaque da equipe no torneio. O jogador, contratado junto ao Novo Horizonte, de Porto Alegre, participou das três partidas e já vem chamando a atenção pela qualidade, inclusive nas bolas paradas. Contra o Mauaense, marcou um belo gol de falta.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade  
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO