São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Nossa Região
Maio 18, 2017 - 21:47

Casarão na Nelson D'Avila vira nova cracolândia em São José

Operação da PM na cracolândia no centro de São José dos Campos

Operação da PM na cracolândia no centro de São José dos Campos

Foto: Rogério Marques / OVALE

Cerca de 20 pessoas foram detidas nesta quinta-feira, no local que anteriormente funcionava como cartório eleitoral e hoje virou ponto de encontro de usuários de drogas

Danilo Alvim
São José dos Campos

O antigo cartório eleitoral localizado na avenida Nelson D'ávila, região central de São José dos Campos, hoje funciona como uma nova cracolândia.

Uma operação da Polícia Militar aconteceu no local nesta quinta-feira. O imóvel, de dois andares, está coberto de lixo por todas as partes, com cheiro de fezes e urina, e também vestígios de droga, principalmente de crack.

Cerca de 20 pessoas foram detidas dentro da residência, sendo que uma delas era procurada pela justiça por furto. A maioria dos detidos tinha passagem criminal, e estavam sob o efeito de álcool e entorpecentes. No meio do lixo, indivíduos dormem e usam drogas. O casarão é ponto de encontro de usuários de crack diariamente e alvo frequente de patrulhamento policial.

"Aparentemente pela situação que eles vivem aqui, pode ser que muitos sejam viciados em droga. No chão identificamos vários envelopes e papel alumínio que aparentemente poderiam ser usados para o uso de crack. Infelizmente como não tem nenhum reclamante, vamos consultar todos e se não tiver problema com nenhum, continuamos com o patrulhamento", disse o sargento Xavier, responsável pela operação.

De acordo com a Polícia Militar, um Raia (Relatório de Averiguação de Infração Administrativa) foi encaminhado a prefeitura para que o local fosse vistoriado e fechado. "Já preenchemos vários documentos nesse sentido. Normalmente tem pessoas aqui dentro e a gente faz a averiguação. Nós fazemos nossa parte de ordem pública e se nada for encontrado seguimos com o patrulhamento normal", disse Xavier.

Há 10 dias, três homens e uma mulher fizeram uma fogueira dentro do imóvel, o que provocou um incêndio, e os indivíduos não conseguiam sair do local. Somente após a chegada do corpo de bombeiros, o fogo foi controlado e eles foram resgatados. Segundo a PM, o movimento no local é diário.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO